SEO vs SEM: Entenda as diferenças e suas vantagens no ecommerce

SEO vs SEM: Entenda as diferenças e suas vantagens no ecommerce

Hoje, essencialmente todos os usuários da Internet utilizam os mecanismos de busca – como o Google, Bing ou Yahoo – para fazer pesquisas acadêmicas, encontrar produtos, artigos, serviços online e basicamente qualquer outro assunto disponível na web. A simples ideia de “pesquisar no Google” já se tornou um hábito natural em nosso dia a dia.

Levando estes fatos em consideração, não é difícil entender porque tantos empreendedores digitais buscam formas de colocar suas páginas nos primeiros resultados das pesquisas, visando aumentar o tráfego e, consequentemente, as chances de conversão. É exatamente aí que entram o SEO e o SEM. Conheça melhor suas diferenças e qual você deve utilizar em seu ecommerce.

Qual a diferença de SEM e SEO?

Primeiramente, é necessário entender o significado por trás destas siglas.

SEM vêm de Search Engine Marketing, do inglês, Marketing para Mecanismos de Busca. Já o SEO vêm de Search Engine Optimization, ou seja, Otimização para os Mecanismos de Busca.

Certamente, apenas seus nomes não nos provêem dados o suficiente para conseguirmos diferenciá-los de fato. É possível afirmar que o SEM pode ser dividido em duas principais vertentes, e o SEO é na verdade, uma delas. Vamos expandir melhor este conceito.

SEO

A otimização para buscadores trata de um conjunto de práticas e técnicas utilizadas para ajudar suas páginas a se saírem melhor durante o ranqueamento projetado pelo algoritmo destes mecanismos.

Para isso, faz-se uso da otimização de links, URLs, velocidade de carregamento da página, segurança. Escaneabilidade, usabilidade, compatibilidade com dispositivos móveis (mobile), utilização de palavras chave na produção de conteúdo, entre diversos outros fatores que ajudam os buscadores a entender exatamente qual é o conteúdo presente em suas páginas e, consequentemente, compará-lo com as páginas de seus concorrentes.

Ações de SEO tendem a trazer resultados em médio a longo prazo, pois levam tempo para se consolidar. Ações de marketing de conteúdo, como a produção de artigos para o blog de seu ecommerce, são um ótimo exemplo de onde estas técnicas de otimização são altamente relevantes e críticas para o sucesso.

Links pagos

A outra vertente do SEM são os links e anúncios pagos. Diferente do SEO, esta é uma prática que visa resultados a curto e médio prazo, não contando apenas com o tráfego orgânico, mas sim utilizando as próprias ferramentas dos buscadores, como o Google Adwords, para disponibilidade de anúncios direcionados aos seus clientes.

Como você mesmo já deve ter notado, os anúncios são posicionados normalmente em áreas superiores das páginas de resultado dos mecanismos de busca (conhecidas como SERPs). Eles normalmente aparecem acima dos resultados orgânicos, ou em uma seção exclusiva. Como exemplificado na imagem abaixo.

Resultados da SERP de links Pagos e Orgânicos

As duas formas mais populares de monetização destes anúncios, cobrado pelas ferramentas dos buscadores são o CPC e o CPM. Entenda melhor:

Custo por Clique (CPC): Neste modelo, você é cobrado sempre que um novo visitante acessar sua página clicando no anúncio disponibilizado. A vantagem é que no CPC, o custo está diretamente relacionado ao seu desempenho.

Custo por Milhão de Impressões (CPM): No CPM, você é cobrado de acordo com o número de impressões, ou seja, visualizações dos usuários nos buscadores, sem que haja a necessidade dos mesmos clicarem no anúncio. Dependendo de sua estratégia, este é um ótimo modelo para apresentar sua marca.

Portanto, a principal diferença entre o SEO vs SEM é que o primeiro foca exclusivamente nos resultados orgânicos e otimização de sua página, enquanto o SEM engloba também as ações de SEO, mas abrange ainda utilização dos anúncios pagos.

Vantagens do SEO

Agora, vamos apresentar realmente quais são as vantagens de cada aproximação, diferenciando apenas o uso do SEO e a implementação de uma estratégia de marketing para mecanismos de busca.

Ajuda a gerar tráfego qualificado

De longe, uma das principais vantagens do SEO é que ele é capaz de gerar tráfego qualificado. Diferente dos anúncios pagos, os resultados orgânicos normalmente são gerados quando seu público está procurando soluções, produtos ou serviços específicos. Ou seja, eles sabem o que querem e, ao clicarem em uma página bem posicionada, poderão encontrar a solução.

Fortalece sua presença a médio e longo prazo

Diferente dos anúncios pagos, o SEO existe para fortalecer sua presença online e destacar sua marca como uma autoridade no mercado. Isso porque você não está pagando para colocar seu conteúdo na primeira página, mas sim desenvolvendo-o e realizando um trabalho de alta qualidade, fazendo com que os próprios buscadores reconheçam e posicionem seus resultados.

Bom retorno sobre investimento (ROI)

Diferente do que muita gente pensa, SEO não é gratuito, mas possui um ótimo ROI. Isso porque o conteúdo gerado a partir de sua estratégia de Inbound Marketing, como um artigo em seu blog ou um vídeo,  continuará acessível para novos visitantes enquanto estiver presente em sua página.

Além disso, de acordo com o Titan Growth, estratégias de SEO podem gerar leads até 61% mais baratos que ações de prospecção ativa, como ligações da sua equipe de telemarketing, por exemplo.

Vantagens do SEM

Trabalhar utilizando uma estratégia de SEM também tem seus benefícios. Como já explicamos sobre o potencial do SEO, vamos focar nas vantagens de comprar anúncios pagos para seu ecommerce.

Facilita a entrada em um mercado altamente competitivo

Uma verdade sobre o SEO é que posicionar sua página na primeira página pode ser realmente difícil, especialmente para nichos de mercado e conteúdos mais competitivos. Neste tipo de cenário, muitas vezes, ecommerces fazem os usos da exclusividade dos anúncios para colocar-se à frente de seus concorrentes nas SERPs.

Resultados mais rápidos

Como já mencionamos, o SEO demora a começar a gerar resultados. Levando isso em consideração, os anúncios pagos se apresentam como uma excelente forma de aumentar o tráfego de seu ecommerce no menor tempo possível.

Escalabilidade

Estratégias e ações de SEM são altamente escaláveis e podem acompanhar o crescimento de seu ecommerce. Afinal, a medida que você consegue melhorar seus resultados ao atrair visitantes e aumentar suas chances de conversão, você também poderá investir em ainda mais anúncios, para diferentes serviços, produtos e palavras-chave.

Pronto para melhorar sua presença nos buscadores?

No cenário de ecommerces B2B (Business to Business), mais de 93% das compras iniciam-se em uma pesquisa nos mecanismos de busca. Além disso, hoje, mais de 2,3 milhões de pesquisas acontecem a cada segundo apenas no Google.

Levando estes dados em consideração, não deixe de investir em melhorar seu posicionamento nestas plataformas e alavancá-las para fazer seu ecommerce crescer e atingir o público alvo. Para isso, comece garantindo que sua página é segura, rápida e possui uma URL amigável com os serviços da SECNET.

E claro, de nada adianta aumentar significativamente o tráfego no seu ecommerce se você não for capaz de captar os novos visitantes e convertê-los em clientes. Descubra como o JivoChat, a melhor solução de chat online, pode ajudá-lo através de convites proativos, atendimento omnichannel, personalizado e integrado à sua gestão de relacionamento com os clientes. Experimente-o gratuitamente para até 5 agentes!

Semana do Consumidor: Será a nova Black Friday!?
A seguir:

Semana do Consumidor: Será a nova Black Friday!?

Semana do Consumidor: Será a nova Black Friday!?