Nômade digital: entenda o que é e como se tornar um

Nômade digital: entenda o que é e como se tornar um

O nomadismo digital é uma das tendências mais recentes em um mercado de trabalho que não mais se limita aos cubículos dos escritórios.

A popularização de tecnologias como a nuvem permitiu que o nômade digital se tornasse uma realidade: alguém que trabalha para uma ou várias empresas simultaneamente enquanto viaja o mundo. Quer conhecer um pouco melhor esse profissional?

Neste post, vamos mostrar como o conceito surgiu, quem são os nômades digitais, por que eles escolheram esse estilo de vida e o que você pode fazer para se tornar um. Pronto? Então, vamos lá!

O que é um nômade digital?

Para um nômade digital, a rotina de trabalho está onde o seu computador estiver, ou seja, não há nenhuma necessidade de permanecer em um local específico para realizar o próprio trabalho.

Isso significa que essa é uma carreira que está sempre intimamente conectada com a tecnologia, já que sem ela os nômades digitais não conseguiriam executar as suas funções. Mas o que é, exatamente, o nomadismo digital?

Nomadismo digital é escolher trabalhar em carreiras autônomas que dão a possibilidade de viajar ou de ficar em casa, conforme o profissional achar melhor.

Todos os nômades digitais têm em comum o fato de serem pessoas inquietas e curiosas e que conseguem trabalhar muito bem por conta própria, portanto, se você tem alguma expectativa de se dar bem ao optar por esse estilo de vida, deverá começar a fazer agora mesmo escolhas que reflitam isso.

Tornar-se um nômade digital é, antes de tudo, optar por utilizar ferramentas online para executar seu trabalho e, portanto, escolher uma carreira que permita que isso seja feito. As áreas em que o nomadismo digital são mais comuns hoje são:

  • a tecnologia, incluindo freelancers que fazem websites, escrevem códigos ou administram campanhas virtuais;
  • o empreendedorismo, principalmente quando se trata do empreendedorismo digital;
  • carreiras em empresas que possibilitam o trabalho remoto, que podem variar desde o atendimento ao consumidor até a prospecção de clientes em empresas globais;
  • criação e venda de produtos digitais, como no caso dos produtores de conteúdo.

Um aspecto que precisamos diferenciar na rotina dos nômades digitais é que, por mais que pareça, eles não estão de férias. Embora esses profissionais tenham a liberdade de visitar lugares e tirar um dia de folga quando sentem que é necessário, nômades digitais são definidos pelo fato de que estão trabalhando e apenas por acaso moram ou estão passando uma temporada em outro país.

Isso significa que essa carreira pode não ser a mais adequada para as pessoas que gostam de férias luxuosas.

Embarcar nela pensando que você viverá como um turista em outro país é uma furada, porque turistas não precisam entregar resultados ou ficar de plantão para atender às demandas dos seus clientes.

Um nômade é um trabalhador como qualquer outro, diferenciando-se apenas pelo fato de que optou por realizar o seu trabalho remotamente.

Mas e então, o que faz com que as pessoas escolham embarcar na vida de nômades digitais? No tópico seguinte, mostraremos alguns dos principais benefícios que uma pessoa pode encontrar nessas carreiras.

Quais são os benefícios do nomadismo digital?

Ninguém opta por abandonar sua cidade ou país de origem sem encontrar uma série de vantagens em fazer essa viagem.

Portanto, com a popularização do nomadismo digital, muitas vezes as pessoas se perguntam quais são exatamente as vantagens de aderir a essa tendência. A seguir, levantaremos alguns dos pontos mais importantes que motivam os nômades digitais.

Rotinas flexíveis

Um profissional pode optar por se tornar um nômade digital ao perceber que sua rotina está estressante ou parada demais. O fato de que esses profissionais têm a liberdade de conduzir suas carreiras como bem entenderem é a principal motivação para que alguém escolha o estilo de vida de um nômade digital.

Fazer seus próprios horários, escolher de onde e como trabalhar e definir as folgas como preferir são algumas das racionalizações mais comuns que indicam que uma carreira de nômade digital pode ser a ideal para você.

Motivação

É cada vez mais frequente na rotina dos profissionais tradicionais a justificativa de que eles não encontram motivação no trabalho que fazem. Quer porque têm de lidar sempre com o mesmo tipo de trabalho, quer porque estão presos em uma rotina que inclui horas e horas no trânsito todos os dias, encontrar motivação acaba sendo complicado para a maioria das pessoas.

Uma carreira como nômade digital ajuda a evitar situações como essas porque permite que nenhum de seus dias seja igual ao outro. Para alguns profissionais, isso é tudo que faltava para que se destacassem em suas respectivas carreiras.

Oportunidades de crescimento

Já se sentiu estagnado em sua profissão atual? Isso é mais comum do que você imagina e um dos grandes motivos pelos quais as pessoas buscam o nomadismo digital. Nem sempre o crescimento profissional significa permanecer em uma mesma empresa, realizando tarefas similares até encontrar espaço para promoção em um plano de carreira fechado e definido por terceiros.

Alguns de nós acreditamos que só é possível obter crescimento profissional encarando e se dedicando a desafios maiores. E o estilo de vida de um nômade digital representa exatamente isso.

Wanderlust

Já ouviu falar em wanderlust? Essa palavra significa um grande desejo de conhecer e experimentar o mundo. E o wanderlust é uma das motivações mais comuns para a criação de nômades digitais.

Se você é uma pessoa inquieta e não quer esperar pela estabilidade ou por sua aposentadoria para aproveitar as diversas aventuras que o mundo tem a oferecer, está com um caso sério de wanderlust e pode encontrar benefícios no nomadismo digital.

Benefícios financeiros

Países em crise e moedas desvalorizadas são também uma grande motivação para o nomadismo digital. A possibilidade de conhecer e adquirir clientes em múltiplas nações, definindo seus próprios ganhos e aproveitando o custo de vida inferior de outras áreas do planeta é um dos fatores que colaboram para o surgimento de nômades digitais.

Não pense que essa carreira significa que você ganhará menos ou terá limitações financeiras como as que enfrenta atualmente. É muito comum que nômades digitais aumentem seus ganhos e experimentem um upgrade na própria qualidade de vida.

Como me tornar um nômade digital?

Gostou das vantagens que viu até aqui e acha que se tornar um nômade digital é o ideal para você? Acredite, isso é possível. Mas é preciso levar em consideração algumas características e adaptações que terão de ser feitas o quanto antes em sua rotina para permitir que o nomadismo digital se torne uma opção viável.

Confira nas dicas abaixo o que um nômade digital precisa para se dar bem em sua jornada!

Invista na carreira certa

Como pontuamos anteriormente, há profissões em que se tornar um nômade digital pode ainda não ser a norma, mas é muito mais fácil do que em outras carreiras. Se você ainda estiver estudando ou planejando uma mudança de área, é preciso levar isso em consideração.

Quem trabalha com marketing, produção de conteúdo, tecnologia ou outras áreas afins conhece pelo menos algumas pessoas que já optaram pelo nomadismo digital e sabe que essas carreiras contribuíram para isso.

Então, se o seu plano é se tornar um nômade digital nos próximos anos, é hora de listar as suas afinidades e entender quais delas podem levá-lo a um passeio pelo mundo.

Garanta um fluxo de negócios para se tornar um nômade digital

Antes de se aventurar por aí, é provável que você queira ter certeza de que dará conta de se manter. Então, pensar em economizar e aplicar o seu dinheiro é uma das opções. A outra é encontrar plataformas que garantam certa estabilidade financeira ou jobs frequentes para manter o seu estilo de vida como nômade digital.

Arrumar um emprego remoto, por exemplo, pode ser uma boa ideia. Assim, você terá uma previsão exata de quanto trabalho terá de fazer todos os meses e de que tipo de rendimentos pode esperar. Iniciativas como essas farão com que se planejar para o nomadismo digital se torne uma atividade menos complexa.

Concentre-se em aperfeiçoar suas habilidades

Um nômade digital não pode correr o risco de se tornar ultrapassado, afinal, seu estilo de vida depende de uma carreira bem-sucedida. Por isso, ele deve investir em capacitação e atualização sempre que for possível e precisará ficar atento para as mudanças do mercado, a fim de não se perder nelas.

Adquira as ferramentas fundamentais para o seu trabalho

Antes de entrar em um avião ou carregar o porta-malas do carro, um nômade digital deve entender e acumular todas as ferramentas de que precisa para garantir um bom desempenho em sua profissão. Um laptop adequado, um bom smartphone e recursos online, como plataformas para upload de arquivos, além de muitos adaptadores de tomada, podem fazer toda a diferença no seu sucesso como profissional autônomo.

Busque motivação

Não é porque você optou por se tornar um nômade digital que as coisas serão mais fáceis a partir daqui. Procure referências e acompanhe outras pessoas que escolheram tomar o mesmo rumo em suas carreiras para entender melhor o que poderá torná-lo bem-sucedido nessa empreitada.

O nomadismo digital é uma tendência que não desaparecerá tão cedo. De fato, ao observarmos bem as gerações mais jovens e as suas prioridades, podemos dizer que ser nômade é o futuro para a maioria dos profissionais.

E aí, você acha que tem o que é preciso para se tornar um nômade digital? Conta para a gente nos comentários!

 

Certificado SSL Wildcard: o que é, melhores preços e onde comprar
A seguir:

Certificado SSL Wildcard: o que é, melhores preços e onde comprar

Certificado SSL Wildcard: o que é, melhores preços e onde comprar