Email SPAM: O guia definitivo

Email SPAM: O guia definitivo

Email SPAM tanto para quem recebe como para quem envia é um negócio chato de se lidar, não é mesmo?

Se você recebe muito SPAM, sabe como toma tempo ter que limpar sua caixa de entrada, identificando o que são emails comuns e excluindo o resto, propagandas, promoções, etc.

Mas sabia que você mesmo pode estar enviando email SPAM? Todo o tipo de envio em massa sem a solicitação dos destinatários pode ser considerado SPAM.

E muitas vezes o envio de SPAM pode não ser intencional. Isso pode ocorrer por conta de algum tipo de vírus ou malware no sistema operacional. Você poderá ter várias complicações como problemas  na entrega de e-mails, entrar em blacklists e prejudicar a reputação do domínio.

Para te deixar por dentro de tudo que envolve o email SPAM fiz este guia definitivo. Irei te explicar o que é, como reduzir o número de SPAMs e como evitar essa prática em seus envios.

Vamos começar!

Tempo de leitura do artigo: 10 min. e 5 seg.

Neste guia você verá:

Já conhece o E-mail Corporativo da SECNET?

Reduza mais de 70% os SPAMs em sua caixa de entrada, entre outras vantagens!

Saiba Mais

O que é Email SPAM?

Sendo direto, os SPAMs (Sending and Posting Advertisement in Mass, “enviar e postar publicidade em massa”), são todas mensagens enviadas em massa para destinatários que não desejam recebê-las.

Há diversos relatos de como o primeiro SPAM surgiu. Um dos relatos mais famosos diz que pode ter ocorrido no ano de 1978. Nessa data, um funcionário da empresa DEC (Digital Equipment Corporation), achou que todos os usuários da Arpanet, departamento de defesa dos Estados Unidos, teriam interesse em receber informações sobre o lançamento do novo projeto DEC 20. Contudo, o envio em massa do funcionário não foi bem recebido pelos destinatários.

Outra variação em relação a data que o termo SPAM surgiu, aconteceu no dia 5 de março de 1994. Que por muitos é considerada a data oficial.

De acordo com o relatado, naquele dia, foi realizado um envio de email em massa sobre uma loteria de Green Cards para um grupo de discussão da USENET. Os Advogados Canter e Siegel, responsáveis pelo envio, não foram bem compreendidos e a ação gerou revolta instantânea dos destinatários.

Porque se chama SPAM

Antes do termo SPAM significar o que ele é hoje, a palavra seria uma abreviação de SPiced hAM (presunto apimentado).

Em 1937 foi produzido uma espécie de carne cozida enlatada pela Hormel Foods, com o mesmo nome.

Email SPAM: O guia definitivo - SECNET

O termo SPAM começou a ser usado no sentido de “algo ruim que empurram para você” após uma enquete do grupo Monty Pyton em 1970. Como você pode assistir no vídeo abaixo:

Monty Python SPAM legendas em português

Tipos de SPAM

Boatos, correntes, propagandas, existem diversos tipos de envio de email SPAM. Muitos deles podem não ser “bloqueados” pelo serviço AntiSPAM da sua conta de email. A atenção ao ler seus emails deve ser redobrada.

Fique atento aos principais tipos de email SPAM que você poderá encontrar em sua caixa de entrada:

Boatos: É o tipo de email com uma história falsa com a intenção de influenciar os leitores a divulgarem o conteúdo rapidamente. Geralmente são conteúdos que geram revolta ou inconformidade no leitor que se sente obrigado a compartilhar a informação.

Correntes: Essa forma de SPAM é a mais comum no mundo online, e com certeza uma das mais antigas.

Esse tipo de SPAM, por exemplo, promete algum benefício para aqueles que compartilharem o email para mais de “X” pessoas.

Propagandas: Com certeza o tipo mais chato de email SPAM. Ninguém merece receber ofertas de lojas que nunca ouviu falar.

E não será vantagem para o remetente se esse email for enviado intencionalmente. Isso é muito comum quando empresas compram listas de email e acabam praticando SPAM com os contatos da lista.

Golpes: São emails que se tratam de ofertas enganosas que levam as vítimas para sites clonados onde oferecem produtos com preços absurdamente abaixo do mercado. O golpe dá certo quando a pessoa é influenciada a comprar em sites falsos.

E depois que a compra é feita, o que resta é: um produto que nunca chega, número de cartão de crédito clonado e informações pessoais vazadas ou utilizadas de maneira indevida para outros golpes.

Estelionato: São mensagens que se passam por uma mensagem de algum conhecido seu. Tem como objetivo obter mais informações sobre a vítima. Geralmente são emails falsos de bancos, boletos e requisições falsas.

Vírus maliciosos: São emails que tentam enganar os destinatários para que baixem arquivos maliciosos. Os arquivos infectados se passam por arquivos comuns, como por exemplo notas fiscais, boletos, comprovantes de pagamento, etc.

Email SPAM, Email Marketing e Email Transacional: Qual a diferença?

Email SPAM: Como dito acima, ele é um envio de larga escala onde que os destinatários não optaram por receber. Este tipo de prática, muitas vezes, podem não ser intencional. Após falarei um pouco a mais sobre isso.

Email Marketing: É uma forma comum das empresas se comunicarem com clientes ou visitantes do site por email.

Pois é uma ótima possibilidade de oferecer seus produtos, serviços, promoções ou usar como newsletter.

Se segmentado para o público certo e se NÃO conter as práticas que caracterizam um email SPAM o email marketing pode ser um grande aliado para seu negócio.

Email Transacional: Os emails transacionais tem uma importante função, eles devem ser tratados como e-mails comuns, pois fornecem informações importantes, como confirmação de transações, informações financeiras, envio de cobranças, notas fiscais, entre outros.

Esse tipo de email, dependendo a plataforma, pode ser alterado e é preciso tomar alguns cuidados com o para que eles não caiam na caixa de SPAM do email de seus destinatários.

Como o SPAM prejudica seu negócio

O SPAM pode prejudicar seu negócio de diversas maneiras, seja na segurança de suas informações pessoais e empresariais, na produtividade do seu time, na integridade dos seus emails e IP.

Outros principais problemas que você pode enfrentar são:

Perda de tempo útil: O SPAM é um grande ladrão de tempo. Na verdade para cada email que você recebe é necessário tempo para identificar o que é ou não SPAM e removê-lo da sua caixa de entrada.

Perda de produtividade: Muitas vezes você está focado em algum projeto e do nada você recebe uma notificação que um novo email foi recebido. Para ter certeza se é um email importante você imediatamente para o que está fazendo para conferí-lo. Porém o email era apenas mais uma propaganda de uma empresa que você ao menos conhece.

Pode parecer tolice ou exagero, mas segundo uma matéria da revista Exame, após uma distração durante um estágio de concentração profunda você demora em média 23 minutos para voltar ao nível de concentração que estava antes da distração. Veja que prejuízo um simples email pode causar em seu desempenho no trabalho.

Caixa cheia: Sua caixa de emails tem um limite de tamanho. Caso o número de SPAMs recebidos for maior que a capacidade de armazenamento você deixará de receber qualquer email.

Anti-Spam: Com o aumento crescente do número de e-mails indesejados chegando a caixa de e-mail, os usuários utilizam sistemas AntiSPAMs cada vez mais rigorosos, o que pode causar falsos positivos.

Por exemplo, um sistema AntiSPAM está configurado erroneamente para bloquear ou excluir emails que contenham as palavras “grátis” e “ganhei”. Certo dia, um de seus amigos te envia um inocente e-mail com o texto: “Ganhei um final de semana grátis, vamos comigo?”. Bem, esse email será marcado como SPAM e você poderá perder o convite.

Certo, esse foi um exemplo bem simples, mas se isso acontecesse com um email de um cliente que espera urgentemente uma resposta sua ou algo do tipo?

Fraudes: Como falado anteriormente os golpes e as fraudes tentam levar a vítima para um site falso, que tentam obter dados pessoais ou empresariais. Podendo gerar graves prejuízos financeiros.

Já conhece o E-mail Corporativo da SECNET?

Reduza mais de 70% os SPAMs em sua caixa de entrada, entre outras vantagens!

Saiba Mais

O que caracteriza um email SPAM?

Um dos principais fatores que influenciam na classificação de um email SPAM são os filtros de email de AntiSPAMs.

Existem diversas formas de configurar estes filtros, porém dependerá inteiramente da sua ferramenta de email.

No SpamAssasin do cPanel, por exemplo, é atribuído uma pontuação a cada envio recebido, os pontos aumentam caso for identificado algum sinal de SPAM durante a passagem da mensagem por vários filtros.

Há um limite de pontos, que podem ser configurados, se a pontuação da mensagem passar desse limite o SpamAssasin irá defini-lo como SPAM.

Alguns desses filtros podem ser evitados, se sua mensagem possuir as boas práticas necessárias para que ele não haja bloqueio. Listei abaixo alguns fatores que identificam um email como SPAM, confira:

Palavras Negativas: É preciso pensar como um AntiSPAM antes de enviar um e-mail. Evite usar palavras-chaves que contribuem para o aumento da pontuação de um email como SPAM. Por exemplo, existem configurações no filtro que declaram um email como SPAM se ele possuir alguma palavra em específico como: “grátis”, “compre agora”, “promoção”, “desconto” e “somente hoje”.

Uso exagerado de letras maiúsculas: Assim como o uso de palavras negativas, alguns filtros podem estar configurados para aumentar a pontuação de SPAM em emails que exageram no uso de letras maiúsculas.

Uso inadequado de imagens: É normal usar imagens em emails, como por exemplo em assinaturas de email. A dica é:  cuide com o tamanho e a quantidade delas. Há configurações em filtros de email que quando a quantidade de imagens é maior que de texto o email recebe uma pontuação de SPAM maior.

Links e anexos: E-mails que contém muitos anexos ou links para download de arquivos podem contribuir para uma pontuação de SPAM maior.

Blacklist: O seu email pode estar perfeito, mas mesmo assim poderá cair na caixa de SPAM. Isso pode acontecer se por algum motivo seu serviço de hospedagem de email estiver presente em alguma Blacklist (RBL).

Conta de email gratuita: Além de não passar nenhuma credibilidade para o seu negócio, muitos Spammers utilizam emails gratuitos para realizar seus envios. Existem acréscimos a pontuação de SPAM de um email que seja enviado por meio de uma conta de email gratuita pouco conhecida.

Você está enviando o que seu remetente solicitou? Isso já não faz parte de nenhum filtro de email. Neste caso definir um email como SPAM fica por parte do destinatário. Faça-se a pergunta deste tópico antes de disparar qualquer campanha de email. Só envie se a resposta a esta pergunta for realmente SIM.

Caso você esteja recebendo muitos emails SPAM, confira as recomendações a seguir. Veja o que pode ser feito para reduzir a gravidade do seu problema.

Reduzindo a quantidade de SPAM na caixa de entrada

Se você recebe muito SPAM e percebe que isso é um problema que está se agravando e tornando sua rotina improdutiva. Confira algumas formas de reduzir o SPAM em sua caixa de entrada:

  • Marcar como SPAM: Se você recebe um mesmo email SPAM com frequência, marque o mesmo como SPAM. Isso ajuda a o filtro AntiSpam a identificar e bloquear os próximos emails automaticamente.
  • Criar filtros de SPAM: Veja se seu serviço de de email possui a opção de criar seus próprios filtros. Assim você pode configurá-lo para se caso você receber uma mensagem com a palavra “grátis” no assunto, por exemplo, todos os e-mails com essa palavra serão excluídos ou enviados a caixa de SPAM.
  • Descadastre-se de Newsletters: Se você está recebendo email de sites que você já fez compras ou assinou conteúdo e estes e-mail já não fazem mais sentido para você o recomendado é que você não exclua esses emails, mas sim, se descadastrar da lista de envio.

Email SPAM: O guia definitivo - SECNET

E ai, gostou do artigo? Espero que tenha respondido muitas de suas dúvidas. Compartilhe com seus amigos nas mídias sociais e gere valor ao seu perfil. Os botões de compartilhamento estão aí do lado esquerdo da sua tela (ou no rodapé se estiver no Smartphone).

Se ainda restam dúvidas sobre o assunto peço novamente para você deixar um comentário. Estou a disposição para responder qualquer dúvida sua sobre o assunto, pois realmente quero que você saia daqui esclarecido.

Um forte abraço e bons negócios!

10 posts mais acessados em 2017 no Blog SECNET
A seguir:

10 posts mais acessados em 2017 no Blog SECNET

10 posts mais acessados em 2017 no Blog SECNET