Como criar sitemap e sua importância

Como criar Sitemap e sua importância

A importância do Sitemap

Imagine que está de férias visitando uma cidade qualquer, com vários pontos turísticos que você quer conhecer, mas acabou se perdendo. Nesse caso, um mapa da cidade viria a calhar, não é mesmo? É mais ou menos desta forma que funciona um Sitemap.

Porém, antes de eu explicar o que é um Sitemap e pra que ele serve, preciso te dizer o que são os Robots.

Robots ou robôs, são aplicativos que percorrem a internet em busca de conteúdos, indexando e verificando alterações ocorridas desde a última “visita”.

Seu principal objetivo é permitir que os sites de busca como o Google e o Bing por exemplo, possam varrer a internet para armazenar o conteúdo encontrado pelo caminho.

Também são conhecidos como “indexadores”, “bots” ou “crawlers”. O Google criou seu próprio robots, conhecido como “Googlebot”.

Lembra da historinha dos pontos turísticos? Então… É com a ajuda de um mapa (Sitemap) que os robots conseguem rastrear seu site e suas páginas mais facilmente.

Preparei esse conteúdo com carinho, para que você conheça um pouco mais do Sitemap, entendendo como ele funciona e como é importante.

Metadados

Metadados são informações sobre uma página da Web, como a data da sua última atualização por exemplo, com qual frequência é alterada e a importância dela em relação às outras URLs do site.

Com a utilização do Sitemap, você está fornecendo aos buscadores metadados sobre tipos específicos de conteúdo das páginas, como vídeos e imagens para dispositivos móveis.

Além disso, caso seu site tenha um grande volume de páginas, categorias, subcategorias, produtos e subprodutos, usar o Sitemap, vai fazer com que o robô encontre mais rapidamente cada uma dessas páginas.

Como criar Sitemap

O Google recomenda que seja criado um Sitemap com no máximo 50.000 URLs e com até 10 MB. Caso seu site tenha mais URLs, recomendo que divida sua lista em vários Sitemaps.xml. Existem 3 formas de gerar um Sitemap, são eles:

  • Manualmente – Este é um dos métodos mais simples, porém existem regras que devem ser obedecidas. Recomendo que leia este artigo, clicando aqui.
  • Aplicativos – Existem aplicativos como o GsiteCrawler que rastreiam o seu site simulando o robô dos buscadores, armazenando as URLs encontradas e criando automaticamente o arquivo Sitemap.xml
  • Ferramentas online – Este método é o que mais recomendo, pois não é preciso instalar programas nem há perigo de esquecer alguma regra ao fazer manualmente. Você pode usar o XML-Sitemaps

Se você usa alguma plataforma Open Source existem outros métodos para gerar o Sitemap. Com plug-ins ou módulos você consegue fazer esse arquivo facilmente.

No caso do Magento você já tem a função de Sitemap ativa por padrão, veja como criá-lo.

Não me responsabilizo por possíveis problemas em seu site, por isso solicite ao seu desenvolvedor que realize os procedimentos abaixo e certifique-se de ter um backup atualizado.

1 – Acesse o painel administrativo, localize a opção no menu “Catálogo” -> “Google Sitemap”, conforme a imagem abaixo:

Gerar sitemap no Magento

2 – Clique em “Criar Sitemap” no canto superior direito da sua tela. Na próxima janela, informe o nome do Sitemap (recomendo “sitemap.xml”) em seguida seu caminho (coloque “/”, para ser gerado na raiz de seu site) e clique em “Salvar e Gerar” no canto superior esquerdo de sua tela, conforme a imagem abaixo:

Gerar sitemap no Magento

Pronto! O Sitemap.xml esta gerado e acessível na raiz de sua loja Magento, basta agora que você o envie para o Google/Bing no Webmaster Tools. Vou mostrar como fazer isso logo mais.

Na plataforma WordPress é possível gerar o Sitemap.xml através do plugin SEO Plugin by Yoast.

Não me responsabilizo por possíveis problemas em seu site, por isso solicite ao seu desenvolvedor que realize os procedimentos abaixo e verifique se o backup está atualizado.

1 – Com o SEO Plugin by Yoast instalado e ativo, localize o plugin no menu lateral esquerdo de seu painel administrativo WordPress, conforme a imagem a seguir:

gerar-sitemap-wordpress

2 – Ative o Sitemap, e em seguida, você deverá selecionar quais informações deseja que ele gere. Lembre-se de conversar com seu desenvolvedor antes desse procedimento.

3 – Clique em “Salvar Alterações” e pronto! Seu Sitemap.xml pode ser encontrado na raiz do seu site, ou clicando em “Sitemap XML”, conforme a imagem:

Gerar sitemap WordPress

No OpenCart você também tem essa função nativa. Veja como criar o Sitemap nessa plataforma.

Não me responsabilizo por possíveis problemas em seu site por isso, solicite ao seu desenvolvedor que realize os procedimentos abaixo e verifique se o backup está atualizado.

1 – Acesse o painel administrativo da sua loja, em seguida vá ao menu “Extensões->Alimentadores”, localize o módulo Google Sitemap, clique no botão “Instalar”, depois clique botão “Editar”, conforme a imagem abaixo:

Gerar Sitemap OpenCart

2 – Na próxima janela, no campo “situação”, marque como “Habilitado” e salve, conforme a imagem:

Gerar Sitemap OpenCart - 2

Pronto! O Sitemap.xml está gerado e acessível na raiz de sua loja OpenCart, basta agora você enviá-lo para o Google/Bing no Webmaster Tools.

Como enviar o Sitemap.xml para o Google

Há duas maneiras de disponibilizar o Sitemap para o Google: robots.txt e Google Search Console. Neste tutorial, vou mostrar como submeter o Sitemap.xml ao Google com o Search Console, pois é o método mais usado pelos webmasters. Vamos ao passo a passo:

Para esse procedimento você precisa de uma conta Google, então, caso ainda não tenha uma, clique aqui e faça seu cadastro de graça.

1. Clique aqui para ser redirecionado para o painel administrativo do Google Search Console.

2. Agora é necessário adicionar seu site como propriedade, como mostra a imagem abaixo:

A importância da utilização do Sitemap

3. Depois de adicionar seu site, será preciso confirmar a propriedade. Você deve baixar um arquivo e coloca-lo na raiz do site. Após este procedimento, clique em “Verificar”.

4. Feito isso, vamos adicionar o Sitemap.xml. Localize no menu esquerdo a opção “Rastreamento” e em seguida “Sitemaps”, conforme a imagem abaixo:

A importância da utilização do Sitemap

5. No canto superior direito da sua tela, adicione o Sitemap.xml e clique em “Enviar”, como mostra a imagem a seguir:

Adicionar Sitemap Google Search Console

6. Agora, o Google Search Console irá acessar o XML informado. Clique na opção “Atualize a página”  para visualizar o status das URLs enviadas, conforme a próxima imagem:

A importância da utilização do Sitemap

Pronto! Após adicionar com sucesso o Sitemap no Search Console, a ferramenta vai disponibilizar o relatório de todas as URLs enviadas versus indexadas, segmentando por Páginas da Web e Imagens, conforme a imagem abaixo:

A importância da utilização do Sitemap

Como enviar o Sitemap.xml para o Bing

O Bing é uma ferramenta de busca na internet desenvolvida pela Microsoft. Assim como o Google, ela também tem ferramentas para webmaster (Webmaster Tools). No passo a passo a seguir, vou te mostrar como cadastrar seu Sitemap.xml no Bing.

Para esse procedimento é preciso ter uma conta Microsoft, então, caso ainda tenha uma, clique aqui e cadastre-se de graça.

1. Clique aqui, para ser redirecionado para o painel administrativo do Bing Search Console.

2. Agora é necessário adicionar seu site como propriedade, como mostra a imagem abaixo:

Adicionar propriedade Bing sitemap

3. Informe seus dados pessoais, e o mais importante, indique o caminho em que seu Sitemap.xml se encontra e clique em “Salvar” no final da página. Veja o exemplo na imagem a seguir:

Adicionar Sitemap Bing

4. Na próximo passo, você deve verificar a propriedade do seu domínio. Existem 3 opções:

  • Opção 1 – Baixe e coloque o arquivo BingSiteAuth.xml na raiz de seu site.
  • Opção 2 – Copie e cole a tag html “<meta>” informada dentro da tag html “<head></head>” de seu site. 
  • Opção 3 – Adicione um registro CNAME em sua zona DNS.

Depois de ter escolhido uma das opções e realizado a ação, clique em “Verificar”.

Pronto! Agora basta aguardar para que o Bing Webmaster Tools verifique, atualize e lhe mostre todas as URLs de seu site que já foram indexadas.

Agora você já sabe a importância de gerar e utilizar um Sitemap.xml. Vários testes apontam que seu uso não interfere no ranking de buscas como o Google e o Bing, apenas na indexação dos sites.

Porém, em entrevista no SEOMoz, Duane Forrester, um dos funcionários responsáveis pelo Webmaster Tools do Bing, declarou que existe uma espécie de bônus no ranking para quem enviar o Sitemap.xml ao Bing Webmaster Center.

O Google não disse se o envio do Sitemap ao Google Webmaster Tools influencia no ranqueamento, mas já deixou claro que presta atenção aos casos em que a URL do Sitemap.xml retorna o status 404 por exemplo.

Essas páginas fazem com que o robô perca tempo buscando por páginas redirecionadas ou páginas de erro.

Se você gostou deste artigo e ele foi útil para você, compartilhe com seus amigos, para que mais pessoas possam conhecer as vantagens e a importância do Sitemap.

Quer mais dicas? Acesse a categoria Dicas e tutoriais do Blog.

Caso tenha alguma dúvida sobre o assunto, por favor deixe seu comentário que terei o prazer de conversar com você a respeito.

Um grande abraço e até a próxima!

BACK
WordPress Video Lightbox Plugin